“Falarei pela voz de Haddad”, assume Lula

EM CARTA, LULA REAFIRMA CANDIDATURA E DIZ QUE FALARÁ PELAS VOZES DE HADDAD E MANUELA

Em nova “carta ao povo”, o candidato oficial do PT à Presidência, Luiz Inácio Lula da Silva, preso na Lava Jato, segue abrindo espaço para a chapa que de fato deve concorrer pelo partido, composta por Fernando Haddad e Manuela D’Ávila (PCdoB).

“Acharam que me isolando aqui, me calariam, mas eu falarei pela voz do companheiro Fernando Haddad e da companheira Manuela Dávila, que irão viajar o Brasil dizendo o que estamos propondo para consertar tudo que o golpe desarrumou neste país”, diz o texto assinado por Lula, que se classifica como “preso político”

O “recado” que Lula manda, no entanto, “ao povo do Ceará” é o de que ele seria, sim, o candidato. “Sou candidato, sim, à Presidência da República”, escreve o ex-presidente.

Lula deverá ter o registro da candidatura negado pela Justiça Eleitoral com base na Lei da Ficha Limpa. A Leia da ficha limpa nega a condenados em segunda instância o direito de concorrer ao Planalto.

Apesar disso, Haddad, em entrevista a uma rádio do Ceará, manifestou a estratégia do PT de arrastar a candidatura de Lula até o mais próximo do dia da votação. “Nós não vamos deixar de explorar cada recurso possível”. Disse HAddad, garantindo: “a nossa luta só termina com Lula subindo a rampa do Palácio do Planalto”.

“O povo brasileiro só sossega quando o Lula estiver na cadeira de presidente da República”, discursou Haddad. “Essa crise só termina com a eleição de Lula”, disse o atual vice na chapa petista.

(Com informações da Jovem Pan)

 

Comentários

Pin It on Pinterest